Estão abertas as inscrições para o Programa de Residência de Tradutores Estrangeiros no Brasil edição 2016.

A Fundação Biblioteca Nacional publicou hoje, o edital de 2016 do Programa de Residencia de Tradutores Estrangeiros no Brasil, que visa difundir a cultura e a literatura brasileiras no exterior, por meio da concessão de bolsas a tradutores estrangeiros para apoiar o custeio de períodos de residência no Brasil.

As bolsas destinam-se a tradutores profissionais estrangeiros que estejam traduzindo do português para qualquer outro idioma uma obra literária brasileira, publicada previamente no Brasil, e que já possuam um contrato editorial para a tradução.

Durante a residência cada tradutor participará de uma programação desenvolvida a partir do projeto de tradução e elaborada pela FBN em parceria com centros de estudos de tradução, universidades e instituições culturais. A agenda poderá incluir a participação em debates com autores, tradutores e outros interlocutores, participação em oficinas de tradução e visitas a instituições culturais.

As bolsas concedidas pelo Programa deverão cobrir, parcial ou totalmente, as despesas necessárias para permanência do tradutor no Brasil durante um período de 15 a 30 dias, entre 17 de outubro e 20 de dezembro de 2016.

O prazo para envio de inscrições vai até 2 de setembro de 2016. Veja o edital e documentos adicionais no site da FBN.

Publicado em Editais, Literatura brasileira no exterior, Residência de Tradutores, Uncategorized | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Estão abertas as inscrições para o Programa de Intercâmbio de Autores Brasileiros no Exterior 2016

O Programa tem o objetivo de difundir a cultura e a literatura brasileiras através da concessão a editoras e instituições culturais estrangeiras de recursos financeiros para ajudar a custear as despesas de transporte internacional de autores brasileiros. Esta ação visa possibilitar que autores nacionais participem de eventos literários no exterior, apresentando suas obras e, alavancando a divulgação da literatura produzida no brasil.

O Programa de Intercâmbio de Autores Brasileiros no Exterior foi criado pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN), instituição vinculada ao Ministério da Cultura e está destinado a editoras estrangeiras que tenham publicado obras de autores brasileiros, ou já adquirido os direitos para publicação, e desejam promover a participação desses autores em eventos literários internacionais. Também podem participar deste edital, instituições culturais estrangeiras que desejam organizar atividades literárias com autores brasileiros ou convidar autores brasileiros para períodos de residência no exterior. Tais eventos deverão estar programados para ter início entre 20 de outubro e 31 de dezembro de 2016.

Para participar os autores deverão ter publicado no Brasil ao menos um livro nas áreas de literatura e humanidades, especialmente os seguintes gêneros: romance, conto, poesia, crônica, infantil, juvenil, história em quadrinhos, teatro, obra de referência, ensaio literário, ensaio social, ensaio de vulgarização científica.

O prazo de recebimento de inscrições vai até 5 de setembro de 2016. Veja o edital  e outros documentos relacionados no site da FBN.

logo intercambio

Publicado em Editais, Literatura brasileira no exterior, Programa de Intercâmbio de Autores Brasilieros no Exterior, Uncategorized | Marcado com , , | Deixe um comentário

Brasil no foco de revista literária

Por conta dos Jogos Olímpicos, neste mês de julho a revista Words Without Borders está inteiramente dedicada ao Brasil e conta com escritores de quatro países e de sete estados brasileiros para mostrar aos leitores da publicação a diversidade deste grande país sul-americano.

A Words Without Borders desde 2003 oferece  aos leitores de língua inglesa os melhores textos e autores do mundo, promovendo assim o intercâmbio internacional através da tradução, publicação e divulgação.

Artur Domosławski, vencedor do prestigioso prêmio “Jornalista do Ano da Polônia”, oferece uma crônica de mortes anunciadas, o escritor francês Hubert Tézenas comparece com um conto sobre confissões forçadas e assassinato, e o escritor americano Naomi Jackson reflete sobre negritude no Brasil e o prazer que o sotaque baiano oferece.

Textos de Lúcio Cardoso, João Guimarães Rosa, e Caio Fernando Abreu são apresentados através de novas traduções e escritores mais contemporâneos também estão suas páginas através de Ronaldo Correia de Brito e Carlos Henrique Schoroeder. Na poesia  Edival Lourenço rende homenagens a Ferreira Gullar, Micheliny Verunschk contempla existência a partir da borda de um recife de coral.  E Angélica Freitas e a tradutora Hilary Kaplan, a dupla vencedora do prêmio de melhor livro traduzido (the Best Translated Book Award) oferecem uma viagem à Ítaca. O fotógrafo Eliseu Cavalcante contribui ilustrando a capa da revista  e com um ensaio fotográfico sobre a tribo indígena Terena e sua luta para recuperar suas terras no Mato Grosso do Sul.

Confira a edição em: wordswithoutborders.org/brazilbeyondrio

Estrada_Real_Eliseu_Cavalcante_470_316

A Estrada Real por Eliseu Cavalcante

Publicado em Artigos, Literatura brasileira no exterior, Uncategorized | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Casa de Tradutores Looren promove terceira edição de suas bolsas para tradutores latino americanos.

Até o dia 31 de agosto de 2016 tradutores interessados poderão se candidatar a uma das três bolsas oferecidas pelo Programa Looren América Latina da Casa de Tradutores Looren (Übersetzerhaus Looren) com o apoio da Fundação Avina Stiftung.

As bolsas destinam-se a tradutores profissionais e que estejam traduzindo uma obra literária de qualquer idioma para o português ou o espanhol e que já possuam um contrato editorial para a tradução. Serão privilegiadas as candidaturas de tradutores que desempenhem atividades de networking, capacitação profissional de tradutores ou atividade sindical ou de agremiação.

As bolsas dão direito a:

  • estadia entre 23 de janeiro a 22 de fevereiro de 2017 na Casa de Tradutores (na aldeia de Wernetshausen no Cantão de Zurique, Suíça);
  • ajuda de custo de 1.500,00 francos suíços e
  • ressarcimento de despesas de viagem até o valor de 1.000,00 francos suíços.

Os interessados deverão enviar a documentação exigida (ver abaixo) para o seguinte e-mail: americalatina@looren.net com cópia visível para: info@looren.net.

 Documentos a serem enviados (favor obedecer tamanhos e formatos solicitados):

  1. Biografia que inclua a lista de publicações (não ultrapassar 5 páginas).
  2. Carta de motivação que inclua a descrição do projeto de tradução.
  3. Contrato de tradução.
  4. Contrato de cessão de direitos autorais providenciado pela editora ou carta da editora confirmando a aquisição dos direitos para a tradução.

 Pede-se que não se anexem documentos no corpo da mensagem, mas que sejam enviados como arquivos anexados, e que se nomeiem cuidadosamente todos os documentos anexados, indicando, em cada caso, o sobrenome do candidato e o documento de que se trata (por exemplo: “Gomes_biografia”; “Gomes_carta demotivação”, etc.)

Data limite para as candidaturas: 31 de agosto de 2016.

 A resolução do júri será divulgada antes do dia 30 de setembro de 2016.

 Para consultas:

Carla Imbrogno, coordenadora do programa Looren América Latina, de Buenos Aires, Argentina: americalatina@looren.net

Informações sobre o programa:

http://looren.net/en/looren-america-latina/ e

https://www.facebook.com/loorenamericalatina

 november_haus_im_abendlicht_webf

 

Sobre estes anúncios

Ocasionalmente, alguns dos seus visitantes podem ver um anúncio aqui.

 

Publicado em Eventos, Literatura brasileira no exterior, Oficinas de tradução, Tradutores brasileiros, Uncategorized | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Poesia brasileira é vencedora

RilkeShake

 

angelica freitas

Angélica Freitas

HilaryKaplan-credit Mara Barr.

Hilary Kaplan

O Livro Rilke Shake, de Angélica Freitas, foi o vencedor na categoria Poesia do Best Translated Book Award (BTBA) 2016, prêmio concedido pelo blog Three Percent, da Universidade de Rochester (NY, Estados Unidos). O livro foi lançado no Brasil em 2007, pela Cosac Naify e a tradução para a versão inglesa, editado pela Phoneme Media,  ficou a cargo de Hilary Kaplan.

O trabalho da dupla (Freitas e Kaplan) foi divulgado, com o apoio do Programa de Apoio à Tradução e à Publicação de Autores Brasileiros no Exterior da FBN, no número 1 /2014 da revista inglesa “Modern Poetry in Translation – The best of world Poetry”. O poema “a mulher vai” foi um dos selecionados para a publicação:

a woman goes

a woman goes to the movies

a woman goes to get ready

a woman is going to ovulate

a woman is going to feel pleasure

a woman is going to ask for more

a woman is going to be crazy for you

a woman goes to sleep

a woman goes to the doctor, complaining

a woman begins noticing the growth of her stomach

a woman is going to spend nine months with a child in her belly

a woman goes to her first ultrasound

a woman goes into surgery and gets anaesthesia

a woman is going to get married have kids and take care of her husband and children

a woman goes to a healer for a serious haemorrhoid problem

a woman begins feeling abandoned

a woman begins wasting her primary follicles

a woman is going to regretit forever

a woman goes to the kennel ready to buy a dog

a woman goes to the back of the van and sits down weeping

a woman is going to put the house in order

a woman goes to the supermarket to buy provisions

a woman goes home to prepare the meal

a woman is going to stop trying to change men

a woman goes to the agency earlier

a woman goes to work,  leaving the man in the kitchen

a woman goes away, leaving a gaggle of children

a woman is going to go out with someone else in the end

a woman is going to get a place in the sun

a woman is going to be able to drive in afghanistan

crédito das fotos: www.candido.bpp.pr.gov.br e Mara Barr.
Publicado em Artigos, Literatura brasileira no exterior, Uncategorized | Marcado com , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

The list of eligible applications for the III Evaluation Meeting is announced / Lista de candidaturas para a III Reunião de Avaliação foi divulgada

A Biblioteca Nacional divulgou nesta sexta-feira, dia 15 de abril, o resultado final da fase de habilitação da terceira Reunião de Avaliação do Programa de Apoio à Tradução e à Publicação de Autores Brasileiros no Exterior. Nesta rodada o Programa recebeu mais de 100 inscrições de 29 países. A III Reunião está prevista para acontecer no próximo dia 20 de abril.

The list of eligible projects is already available and can be checked here.  The Program has had almost 100 applications for this round from 29 countries .  The III Evaluation Meeting 2015-2017 will take place on April, 20th.

BT com margem cor

Publicado em Editais, Programa de Apoio à Tradução, Uncategorized | Marcado com , , | Deixe um comentário

Brasileiros disputam o Dublin

Quatro escritores brasileiros estão concorrendo ao prestigiado  International Dublin Literary Award:

Blood+Drenched+Bearddiary of the fall

adultery

nowhere-people-300x460

 

 

 

 

 


Daniel Galera
, com Barba ensopada de sangue, traduzido para o inglês por Alison Entrekin para a editora Hamish Hamilton;

Michel Laub, com Diário da queda, traduzido por Margaret Jull Costa e publicado pela Other Press e pela Harvill Secker;

Paulo Coelho, com  Adultério,  traduzido por Margareth Jull Costa e Zoë Perry para a editora Alfred A. Knopf e

Paulo Scott, com Habitante irreal , traduzido por Daniel Hahn e publicada pela An Other Stories.

O prêmio oferece € 100.000 para o melhor romance publicado nos dois últimos anos. A fama da premiação está baseada principalmente em  seu caráter internacional, pois o processo de escolha das obras ocorre com a  indicação inicial de bibliotecas de diversos países. No Brasil, a Biblioteca Demonstrativa de Brasília é a responsável para indicar os nossos melhores romances. Na segunda etapa a lista é reduzida através de votação de um júri internacional  e por último um grupo de críticos e autores de diversas nacionalidades apontam uma única obra vencedora, escrita originalmente em inglês ou que já tenha tradução feita para a língua inglesa. No caso de traduções,  o prêmio é dividido entre o autor(€ 75.000) e o tradutor(€ 25.000).

Para esta edição  foram indicados 160 livros escritos em 19 línguas, abrangendo a participação de 44 países.  A lista dos finalistas será divulgada terça-feira, dia 12 de abril, e o grande vencedor será conhecido no dia 9 de junho de 2016.

Publicado em Eventos, Literatura brasileira no exterior | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Tradução e literatura brasileira ganham prêmio na Alemanha.

HHesseLuiz Ruffato e o tradutor Michael Kegler serão os laureados do Prêmio Internacional Hermann Hesse 2016. Para o júri o resultado da parceria oferece “altíssima qualidade literária, fornecendo-nos uma visão dos abismos de um mundo desconhecido.”Michael Kegler

Michael Kegler já traduziu diversos títulos de Ruffato  e sua tradução do romance “Eles eram muitos cavalos” lhe valeu, em 2014, o prêmio Straelen da Fundação das Artes do Estado da Renânia do Norte/Westfália .

Luiz Ruffato pb
Para o júri, Ruffato dá voz aos excluídos. Seus livros são
“um caleidoscópio dos desenraizados da cidade grande e de todas as camadas socais.” E Michael Kegler, “uma voz alemã precisa e sensível”  das obras do autor.

O Prêmio Internacional Hermann Hesse visa dar visibilidade a uma obra literária de grande peso que ainda não foi devidamente valorizada. É atribuído de dois em dois anos e será entregue no dia 2 de julho, aniversário de Hermann Hesse, em Calw, sua cidade natal.

As obras de Ruffato têm sido apreciadas em diversos países. Veja algumas edições que receberam o apoio da bolsa de tradução da FBN:

Alemanha

Alemanha Eles eram muitos cavalos

Eles eram muitos cavalos – Assoziation A Editora – 2012

Alemanha O mundo inimigo

O mundo inimigo – Inferno provisório II  Assoziation A Editora – 2014

 

 

Alemanha Mamma son tanto felice

Mamma, son tanto felice – Inferno provisório I – Assoziation A Editora – 2014

 

Alemanha estive em Lisboa

Estive em Lisboa e lembrei de você – Assoziation A Editora – 2015

Argentina

Argentina

Estive em Lisboa e lembrei de você – Eterna Cadencia Editora – 2011

Finlândia

Finlandia eles eram muito cavalos

Eles eram muitos cavalos -Into Kustannus Editora – 2014

Finlandia flores artificiais

Flores Artificiais – Into Kustannus Editora – 2015

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

França

França estive em Lisboa

Estive em Lisboa e lembrei de você – Chandeigne Editora – 2015

 

Itália

 

Itália estive em Lisboa

Estive em Lisboa e lembrei de você – La Nuova Frontiera – 2011

 

Itália De mim já nem se lembra.jpg

De mim já nem se lembra – La Nuova Frontiera Editora – 2014

Itália flores artificiaus

Flores Artificiais – La Nuova Frontiera – 2015

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Macedônia

Macedonia eles eram muito cavalos

Eles eram muito cavalos – Ikona Editora – 2016

 

México

Mexico O mundo inimigo

O mundo inimigo – Inferno provisório II – Elephas Editora – 2013

Publicado em Eventos, Literatura brasileira no exterior, Obras apoiadas, Programa de Apoio à Tradução, Uncategorized | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Primavera Literária

Desde o dia 17 de março está ocorrendo a terceira edição da Printemps Littéraire Brésilien, uma iniciativa do professor e pesquisador Leonardo Tonus, responsável pelo Departamento de Estudos lusófonos da Universidade de Sorbonne, com o apoio da Embaixada brasileira em Paris e de diversas instituições. Na programação,  encontros com autores, debates, exposições, oficinas e lançamento de livros programados em quatro países: França – Paris, Holanda – Leiden, Alemanha – Berlim e Itália – Bolonha. Além disso, o evento também pode ser acompanhado nas redes sociais:

Facebook:  https://www.facebook.com/printempslitterairebresilien/

Blog: http://etudeslusophonesparis4.blogspot.com/

Twitter: @printempsbresilprintemps

Publicado em Eventos, Literatura brasileira no exterior | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

HQ brasileira se destaca no panorama internacional

O livro Tungstênio, de Marcelo Quintanilha, foi o vencedor da categoria Policial no Festival Internacional de Histórias em Quadrinhos de Angoulême 2016. O livro foi publicado no Brasil, pela Veneta, e na França, pela Editions çà et là. Talco de vidro, outro título do mesmo autor, sairá na Espanha, pela Ediciones La Cúpula, com o apoio da Fundação Biblioteca Nacional por meio do Programa de Apoio à Tradução e à Publicação de Autores Brasileiros no Exterior.

marcello-quintanilha divulgação

Marcello Qintanilha é também autor de Talco de vidro, que sairá na Espanha com o apoio da FBN.

Conheça outras HQs lançadas recentemente com o apoio do Programa:

Favela-chaos-350x435 O livro – Desterro é o retrato da vida nas favelas das periferias de São Paulo. Segundo Ferréz: “A história mostra que não é preciso morrer para ser enterrado em São Paulo”. O crime, a polícia corrupta, o dinheiro, a miséria, o amor e a solidão são temas que se misturam e se entrelaçam. O livro é resultado de seis anos de trabalho da dupla Ferréz e De Maio.

O autorFerréz, é o nome artístico de Reginaldo Ferreira da Silva. É romancista, teatrólogo, roteirista, poeta e contista. Aborda em seus livros temas relacionados à periferia das cidades. Fortaleza da Desilusão (1997), Capão Pecado (2001), Manual Prático do Ódio (2003) Amanhecer Esmeralda (2005) e Ninguém é Inocente em São Paulo (2006) são alguns de seus livros. Alexandre de Maio é quadrinista, jornalista, diagramador e ilustrador. Seu trabalho começou a ganhar destaque com o movimento Hip Hop paulista e a revista RAP Brasil publicada pela editora Escala. Em 2013 foi vencedor do prêmio Tim Lopes de jornalismo investigativo com “Meninas em Jogo”, uma entrevista sobre a exploração sexual infantil no Ceará durante a Copa do Mundo.

O tradutor – Paula Salnot, tradutora e fundadora da editora Anacaona, explica: “Quando gosto, sinto uma vontade de guardar as obras comigo, como se elas fossem meus nenéns. Sei que, quando a editora crescer, vou precisar subcontratar tradutores, mas, por enquanto, esse é o meu luxo: poder escolher o que eu traduzo e traduzir o que eu gosto”(entrevista)

Kero-un-reportage-maudit-Plinio-marcos-570x708.pngO livro – Querô: uma reportagem maldita , publicado em 1976 pela editora Símbolo, conta a história de um menino de rua, Querô. Como todo menor abandonado, luta pela sobrevivência. Sua história e a brutalidade de seu cotidiano nas ruas da cidade de Santos são retratadas com ferocidade nas palavras e violência na descrição de forma que o leitor ame e odeie esse moleque.

O autor – Plinio Marcos foi escritor, dramaturgo, cronista, ator, diretor e jornalista. Durante a ditadura militar escreveu várias peças de teatro. Trabalhou no jornal Última Hora, revista Veja, Folha de São Paulo, TV Globo. Suas peças mais famosas são: Navalha na Carne (1968) e Dois Perdidos numa noite suja (1978).

O tradutorMelen Kerhoas é tradutor de espanhol e português para o francês com formação em ciências humanas e sociais. Já traduziu peças de teatro e trechos de romances brasileiros contemporâneos ( Jornal Pessoa , Sorbonne Paris IV). Em 2015, o tradutor participou do Ateliê de Tradução Francês-Português do programa Fabrique de Traducteurs, promovido pela ATLAS (Association pour la promotion de la traduction littéraire) e organizado pelo Collège International de Traducteurs littéraires (CITL), na cidade de Arles. Saiba mais sobre o programa.

A editora – Anacaona, estabelecida em Paris, é uma casa independente dedicada à iteratura brasileira. Divide autores e suas obras a partir de três coleções temáticas:  Época  –  a diversidade das vozes brasileiras; Urbana –  cena urbana brasileira, Terra – o regionalismo brasileiro.

cachalote Banda de dosoeste vermelho

Em 2012 o Programa apoiou a publicação, pela editora francesa Cambourakis, da obra Cachalote de Daniel Galera e Rafael Coutinho; em 2013  foi a vez dos álbuns Bando de dois de Danilo BeyruthOeste vermelho Marcelo Costa e Magno Costa receberem o apoio para serem lançados na Argentina pela Editorial Municipal de Rosario.

le brigand du sertao
Em 2014, a editora Sarbacane lançou o álbum Le Brigand du Sertão, edição francesa de Estórias gerais, de Wellington Srbek e Flavio Colin (Editora Nemo, 2012). A obra ganhou o Troféu HQ MIX nas categorias “Melhor Graphic Novel”e “Melhor Roteirista Nacional” e o Prêmio Angelo Agostini de melhor roteirista e melhor desenhista. Leia a entrevista que o roteirista Wellington Srbek concedeu ao nosso blog:

Histórias Gerais ganha edição francesa
Também apoiadas pela FBN, estão no prelo as edições de Armadinho três, de Alexandre Beck, editora 4 Estações / Portugal, e de Anita Garibaldi: o nascimento de uma heroína, de José Custódio Rosa Filho, editora Verbavolant / Itália.

279-561169-0-5-anita-garibaldi-o-nascimento-de-uma-heroinaArmandinho-Tres1-940x714

Publicado em HIstória em Quadrinhos, Literatura brasileira no exterior, Obras apoiadas, Programa de Apoio à Tradução, Uncategorized | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário