Norte e Nordeste brasileiros são temas de livros traduzidos no exterior

caldeiraopCaldeirão: A guerra dos beatos

O livroCaldeirão é um romance histórico, que se passa no interior do Ceará. O autor narra a criação do Arraial Caldeirão, pelo o beato José Lourenço e a destruição da comunidade pelas forças militares em 1937. A história é relatada por um velho sobrevivente a um repórter de jornal. A associação com outros movimentos semelhantes como Canudos, a Guerra do Contestado e outros movimentos mais recentes, é inevitável.

Claudio_AguiarO autor – Claudio Aguiar é romancista, ensaísta, dramaturgo, biógrafo e poeta. Recebeu diversos prêmios, inclusive no exterior. Tem mais de 25 títulos publicados, com obras já traduzidas para o espanhol, francês e russo.

alfredo-perez-alencart-foto-de-elena-diaz-santana (internet)espelhoO tradutor – Alfredo Pérez Alencart e Jacqueline Alencar Polanco. Alfredo P. Alencart nasceu no Peru e mora em Salamanca, na Espanha. Além de tradutor é professor, ensaísta e poeta premiado. Seu livro Cristo da alma foi publicado no Brasil, em 2011.

A editora – Editorial Verbum é uma editora de Madri, Espanha. Em seu catálogo, com mais de mil títulos, encontramos outro livro de Claudio Aguiar: El Rey de los bandidos, sobre o famoso Lampião. O livro ganhou o Prêmio Ibero-americano de Narrativa “Miguel de Unamuno” de 2009.

crédito da foto do autor: Pen Club do Brasil.  Crédito da foto do tradutor: Rui Ricardo Diaz.

volutinha

A tigre do SertãoA história de Bernarda Soledade – A Tigre do Sertão

O livro –  A história de Bernarda Soledade é uma narrativa sobre disputas de poder: as desavenças entre famílias por questões de terras e as relações de poder entre homens e mulheres, através da sexualidade.

Raimundo carrero Copyright  Rodolfo AraújoO autor – Raimundo Carrero conquistou o prêmio Oswald de Andrade, de revelação, em 1987, com o romance “Viagem no ventre da baleia”. Suas principais obras são “As sombrias ruínas da alma”; “Os segredos da ficção”; “A história de Bernarda Soledade – A tigre do Sertão”; “As sementes do sol – O semeador”;”Somos pedras que se consomem” entre outras.

O tradutor – Antonia Peeva já traduziu para o búlgaro António Lobo Antunes, Lídia Jorge, Gonçalo Manuel Tavares e telenovelas da TV Globo.

A editora – Vessela Lutskanova é uma das primeiras editoras privadas que surgiram após a queda do socialismo na Bulgária e foi criada pela escritora e editora Vesela Lutskanova, a tradutora de língua inglesa Vikhra Manova e a pintora Roritza Kramen. Há vinte anos a casa editorial publica jovens autores locais e estrangeiros, além de obras de escritores de renome internacional.

crédito da foto do autor: Rodolfo Araújo.

volutinha

Coronel de BarrancoCORONEL DE BARRANCO

O livroCoronel de Barranco narra o apogeu e a decadência do ciclo da borracha na Amazônia, que ocorre a partir do roubo de 70 mil sementes em 1876, pela Inglaterra. Apesar das notícias, tanto os seringueiros quanto os coronéis negam que a situação mudou, até que o mercado amazônico da borracha quebra e chega ao fim.  A descrição da selva e das condições de vida dos seringueiros tornou este romance uma referência para aqueles que buscam conhecer esta região do Brasil e sua história.

O autor – Cláudio de Araújo Lima foi médico psiquiatra, romancista, ensaísta e tradutor. Em 1924, envolve-se na Revolução Paulista, é detido e deportado para o Acre, onde permanece em um seringal no Alto-Purus. Baseando-se nesta experiência e nas histórias contadas por seu pai (que foi prefeito de Manaus), Cláudio de Araújo Lima escreve o romance Coronel de Barranco.

Xenaro Garcia SuárezO tradutor – Xenaro Garcia Suárez é escritor, ensaísta, editor e tradutor do inglês e português para o galego e para o espanhol. Traduziu para o espanhol outra obra de Cláudio de Araújo Lima, Ascensão e queda de Stefan Zweig.

A editora – A editora Alento foi criada em 2011, na cidade de Vigo, Espanha. Tem como meta construir um catálogo, consistente de abranja romance, poesia e  ensaios crítico-literários. Primando sempre pela qualidade. Para isso, busca editar autores consagrados, que por diferentes razões não foram ainda traduzidos para o espanhol ou o galego.

Crédito da foto do tradutor: http://www.galiciahoxe.com
Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s