Novos títulos de Alberto Mussa na Romênia

O TRONO DA RAINHA JINGAa princesa jinga

O livro – Um livro de mistério, passado no Rio Antigo durante as primeiras décadas do século XVII, que envolve uma rainha africana e uma irmandade secreta em uma série de crimes enigmáticos. Um livro de ficção construído com uma apurada pesquisa histórica e um final surpreendente.

MussaO autor –  Alberto Mussa é romancista, contista, tradutor. Sua estréia foi em 1997, com o livro de contos Elegbara (1997), inspirado na mitologia dos nagôs, etnia africana que trouxe o candomblé para o Brasil. Seus livros são objeto de estudo em universidades no Brasil e no exterior, atraindo interesse da crítica e do público tanto no ocidente quanto em países árabes.

ELEGBARA

elegbaraO livroElegbara são dez histórias que misturam a cultura africana à portuguesa e brasileira, ficção, fatos históricos e mitologia dos nagôs, a etnia africana que trouxe o candomblé para o Brasil. tentando explicar como a identidade brasileira se formou.

O tradutor – Laura Badescu é escritora com diversos livros sobre literatura publicados. É tradutora de russo e português para o romeno, além de professora e pesquisadora na Universidade de Pitesti na Romênia. Atuou também como professora de Letras na Universidade de Lisboa em Portugal. Seu mestrado foi em literatura romena medieval e seu doutorado em Estilística e Poética. Já traduziu obras de Jorge amado (Capitães de areia, Dona Flor e seus dois maridos), Moacyr Scliar (A guerra no Bom Fim, O centauro no jardim, Max e os felinos), Adriana Lisboa ( Sinfonia em branco), Raimundo Carrero (Sombra severa) e Alberto Mussa (O movimento pendular).

A editora – Univers foi fundada em 1969 e está sediada em Bucareste. Desde a sua criação, a editora tem como objetivo publicar os livros mais importantes da literatura universal, com traduções de qualidade e para o seu público.  A literatura brasileira possui um importante lugar em seu catálogo e inclui importantes nomes como Érico Veríssimo, Jorge Amado, Manuel Bandeira, Machado de Assis, Graciliano Ramos e Antonio Olinto, Moacyr Scliar, além dos nomes contemporâneos como Adriana Lisboa, Antonio Torres, Patríca Melo e Raimundo Carrero.

Anúncios
Esse post foi publicado em Literatura brasileira no exterior, Obras apoiadas, Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s